Petroduto: o novo mensalão do PT

07/09/2014 22:47

06/09/2014

Rodrigo Constantino

às 15:03 \ Corrupção
 

A Petrobras pode atrasar a construção de oleodutos e refinarias, mas não perde tempo na hora de construir um enorme duto para desvio de recursos públicos. A Veja não é odiada pelos que adoram mamatas à toa.

A revista trouxe três “furos” de uma só vez na edição desta semana, que já vem memorável, como diz a Carta ao Leitor, lançando luz onde habitam os seres das sombras. É jornalismo de verdade, independente, investigativo, que cumpre o verdadeiro papel da imprensa livre. Segue um trecho da reportagem de capa:

Petroduto

Ao lado das bombásticas revelações do ex-diretor Paulo Roberto Costa, que mostra como um novo escândalo maior do que o mensalão pode vir à tona, temos a compra de um milionário apartamento na zona sul carioca por uma offshore uruguaia criada apenas para esse intuito, beneficiando o ex-diretor Cerveró, que viveu nos últimos 5 anos no luxuoso endereço de R$ 7,5 milhões.

E temos, ainda, as revelações de uma ameaça feita pelo suposto advogado de grandes empreiteiras envolvidas na máfia montada dentro da estatal, à contadora do doleiro Alberto Youssef, Meire Poza. Ela gravou a conversa e não se deixou intimidar, já tendo pedido proteção policial.

A República treme! Duas testemunhas-chave resolveram abrir a boca e revelar o que sabem. Muitos nomes graúdos estão envolvidos. Foi assim que a Itália conseguiu desinfetar um pouco sua política, tomada pelo crime organizado, pelas famosas máfias. Que o mesmo ocorra no Brasil, pois não suportamos mais esses ratos corroendo nossas instituições!

Em tempo: nunca antes na história deste país o slogan nacionalista “o petróleo é nosso” deixou tão claro a quem, afinal, referia-se o tal do “nosso”. Agora sabemos: não é do povo brasileiro; ele pertence à turma de mafiosos incrustados no estado e liderados, hoje, pelo PT.

Fonte: http://veja.abril.com.br/blog/rodrigo-constantino/corrupcao/petroduto-o-novo-mensalao-do-pt/